Copa União: Amarildo tem nome e futebol de craque


Atacante da equipe máster do Conceição da Linha Feijó fala de sua trajetória no futebol amador caxiense

A família está repleta de bons jogadores, a começar pelo pai e tios. E a inspiração de Nelson Silvino Massing para dar nome aos dois filhos homens que teve (há ainda três mulheres) veio do futebol. O mais velho, Airton, que homenageia o Pavilhão, do Grêmio, e Amarildo, referência ao atacante que substituiu Pelé na Copa de 1962 e ajudou a Seleção Brasileira a conquistar o bicampeonato mundial.

É claro que Amarildo Luis Massing não tem a virtuosidade do xará mais famoso, mas no futebol amador caxiense ganhou destaque. Aos 50 anos, contabiliza pelo menos 20 equipes que defendeu, em campeonatos municipais, estaduais e sesianos, sem contar o futsal. Os títulos no mínimo igualam esse número, sendo o último o da categoria máster da Copa União de Clubes no ano passado, no time dirigido pelo irmão Airton. Envolvido com o futebol desde pequeno, levado principalmente por Airton, Amarildo teve a chance de tentar a carreira profissional no Caxias, em 1983. “Fiz um teste e passei, mas como tinha que traba-lhar, acabei desistindo”, lembra, comparando a situação com a do primo Paulo Marcelo, que atuou pelo Juventude: “Ele teve mais apoio e conseguiu se firmar como jogador”. Falta acertar

No ano passado, Amarildo foi o goleador do máster, com 15 gols. Este ano, a equipe faz uma campanha média e luta para se classificar à próxima fase. “O time não engrenou ainda, mas o problema não é só nosso. Os outros estão melhores. Precisamos ganhar um dos dois jogos que faltam. Depois começa outro campeonato”, afirma. Mas, independentemente de resultados negativos e conquistas, Amarildo destaca o que considera mais importante no futebol: “As amizades. Em todos os lugares em que joguei, sou sempre bem-vindo quando retorno. Poderia jogar em qualquer um deles outra vez”, concluiu o atleta do Conceição da Linha Feijó.

Saiba Mais

Amarildo Luis Massing - natural de Caxias do Sul, nasceu em 31/7/1966 Trabalha atualmente como consultor de vendas da L’ Oréal, mas lembra que sempre atuou nessa área em outras empresas. Casado com dona Simone Bonatto Equipe atual: máster do Conceição da Linha Feijó (Copa União de Clubes) Posição em campo: meia Pais: o pai, Nelson, morreu há cerca de 10 anos. A mãe, dona Iria Maria Massing, faleceu no último dia 12, vitimada por uma infecção.

Confira a rodada deste final de semana

Sáb/Dom – 20/21 agosto (Jogos nas 4 categorias) São Cristóvão x São Francisco Bevilacqua x Conceição São Virgílio x Minuano Pedancino x Diamantino *União Forquetense x Botafogo São Luiz x Juvenil (No sábado, os jogos de União Forquetense e Botafogo serão em Conceição da Linha Feijó)

Posts Recentes

© 2016 por Alan Diego Mendes